Esportes radicais: conheça e pratique!

Já falamos sobre esportes pouco conhecidos e esportes que estão em ascensão no Brasil, mas e quanto aos esportes radicais? Este post será dedicado a apresentar algumas modalidades desses esportes que afugentam muita gente por serem considerados “perigosos”, mas todos que praticam acabam gostando.

Arvorismo

O Arvorismo ou arborismo, surge na Costa Rica quando cientistas que pesquisavam a fauna e a flora do topo das árvores, para evitar fazer tantas descidas e subidas, desenvolvem uma idéia de passar de um galho a outro através de cordas e algumas passarelas. O que era antes uma travessia utilizada para trabalho, hoje virou um esporte radical, que além de servir de integração ao meio natural, ainda procura buscar a consciência ecológica dos praticantes.

Arborismo

 

 

 

Mountain Bike

Mountain Bike é uma modalidade do ciclismo na qual o objetivo é fazer um percurso cheio de obstáculos e irregularidades. Normalmente é praticado em fazendas, trilhas, alguns parques ou até na cidade. Um exercício desses requer muita resistência, destreza e capacidade de concentração.

Para correr menos riscos o praticante do Mountain Bike deve estar com um equipamento de segurança adequado: o capacete, luvas, cotoveleiras e caneleiras.

Para mais informações sobre o assunto, clique aqui

Mountain Bike

 

Rafting

Um outro esporte radical é o Rafting que é praticado em corredeiras de rios com botes infláveis. Também é considerado esporte de integração do homem com a natureza. No entanto, para praticá-lo é necessário saber nadar, e sempre utilizar o equipamento de segurança adequado.

Os rios onde o rafting é praticado são avaliados e 6 dificuldades:

Nível I – Água corrente com pequenas ondas
Nível II – Corredeiras de até 1 metro, com passagens simples e algumas manobras básicas são necessárias.
Nível III – Corredeiras com ondas mais altas e irregulares, algumas manobras mais complexas são necessárias, pois as passagens são mais estreitas.
Nível IV – Corredeiras mais longas e difíceis, que necessitam de manobras mais eficazes pois a água é mais agitada. As condições de resgate se tornam mais difíceis.
Nível V – Essas corredeiras são longas, violentes e extremamente difíceis. Passagens obrigatórias. Necessário conhecer bem o trajeto e montar esquema de segurança.
Nível VI – Trajeto extremamente difícil e muito perigoso. Apenas pessoas muito experientes podem executar. Porém, é necessário um estudo muito cuidadoso das águas, e esquema de segurança caso algo inesperado ocorra.

Rafting

 

Canyoning

Esse é um esporte que nem todos conhecem, mas ele é basicamente uma espécie de alpinismo praticado em cachoeiras. Os praticantes entram em contato com o meio natural, explorando canyons, cachoeiras, grutas, rios etc…

O canyoning não envolve tanta adrenalina quanto a asa delta, por exemplo, porém, o mais interessante é a questão da exploração do ambiente natural.

No entanto, é necessário utilizar o equipamento adequado, pois a utilização de equipamento incorreto pode levar o praticante a cair no rio, ou até mesmo nas pedras, o que pode agravar a situação.

Canyoning

 

Caving

Também sendo pouco conhecida, o Caving nada mais é do que a exploração de cavernas, ou seja, descer buracos, abismos, explorar fendas, rastejar por cantos estreitos e até nadar em rios subterrâneos, explorando bastante a caverna.

Para praticá-lo é necessário ter um bom preparo físico, suportar longos períodos dentro de uma caverna, ter conhecimento de auto-resgate, além de saber manipular uma corda.

Para se aventurar nas cavernas é extremamente necessário ser guiado por alguém experimente caso você nunca tenha praticado o esporte.

No Brasil, os melhores locais para a prática do esporte são: O PETAR em São Paulo, Bonito no Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais e Bahia.

Esporte radical - Caving

 

Bungee Jump

Um esporte que é sinônimo de radical é com certeza o Bungee Jump. O jumper salta em um vão livre, preso a um cabo elástico nos tornozelos. A diferença desse esporte aos outros de ação é que não é necessário nunhum contato anterior com algum esporte de ação, ou seja, não requer prática apenas muita coragem para executá-lo.

Normalmente quem pratica o esporte são aqueles amantes das aventuras, ou os que querem buscar novas sensações, aliviando o stress diário.

O Bungee Jump pode ser realizado em diversas plataformas como: guindastes, pontes, helicópteros, balões.

bungee jump

One thought on “Esportes radicais: conheça e pratique!

Deixe uma resposta