Bicicleta Ergométrica x Esteira Elétrica

Você vai na academia por conta própria e sempre fica na dúvida entre o que é melhor, a bicicleta ergométrica e a esteira elétrica? Nesse post vamos tentar entender os prós e os contras de cada um, assim como o ideal para a sua estrutura física.
Vamos lá.

BICICLETA ERGOMÉTRICA X ESTEIRA ELÉTRICA

Esteira elétrica

O gasto calórico da esteira é maior em comparação ao da bicicleta, é ideal para quem busca um bom condicionamento físico e mais resistência.

A esteira também é ideal para quem tem como objetivo a perda de peso.

Segundo o THE NEW YORK TIMES, se for praticado 1 hora de exercício alternando a velocidade rápido-devagar, consegue queimar 36% a mais de calorias do que um exercício continuo muito forte. O segredo não está sempre no suor e sim na maneira correta de praticar um exercício.

Por possuir um impacto relativamente forte, a esteira não é indicada para quem tem lesões articulares recorrentes, principalmente na coluna vertebral e nos membros inferiores.

Dica: evite se posicionar muito longe da barra de apoio, e também se debruçar sobre ela, pois deste modo o seu corpo será projetado para frente, forçando a coluna desnecessariamente.

Bicicleta ergométrica

A bicicleta é mais indicada para obesos, sedentários, gestantes ou até pessoas com problemas articulares, pois é um exercício que não exige muito impacto.

A bicicleta ergométrica gasta cerca de 40% menos calorias que a esteira.

Então fica claro que a bicicleta é mais indicada para quem esteja acima do peso e tenha dificuldade para iniciar um exercício físico que exija mais impacto.

Analisando os dois aparelhos, para quem quer perder peso de modo mais fácil e rápido, mas que não tenha problemas físicos ou de obesidade, deve recorrer a esteira. Enquanto a bicicleta é mais indicada para aqueles que querem praticar um exercício que não exija um impacto considerado grande.

Deixe uma resposta